Song Lyrics From Around The World

Home | Email Us | 0-9 | A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z | Christmas | Soundtracks | Web Hosting with TotalChoice

big text small text home back forward print

FESTA DA NATUREZA (Gereba / Patativa do Assaré) Raimundo Fagner - 2002 Chegando o tempo do inverno Tudo é amoroso e terno No fundo do pai eterno Sua bondade sem fim Sertão amargo esturricado Ficando transformado No mais imenso jardim Num lindo quadro de beleza Do campo até na floresta As aves lá se manifestam Compondo a sagrada orquestra Da natureza em festa Tudo é paz tudo é carinho No despertar de seus ninhos Cantam alegres os passarinhos O camponês vai prazenteiro Plantar o seu feijão ligeiro Pois é o que vinga primeiro Nas terras do meu sertão Depois que o poder celeste Mandar a chuva pro nordeste De verde a terra se veste E corre água em borbotão A mata com seu verdume E as fulô com seu perfume Se enfeita com vagalumes Nas noites de escuridão Nesta festa alegre e boa Canta o sapo na lagoa O trovão no ar reboa Com a força desta água nova O peixe e o sapo na desova O camaleão que se renova No verde-cana que cor Grande cordão de borboletas Amarelinhas brancas e pretas Fazendo tanta pirueta Com medo do bentiví Entre a mata verdejante Seu pajé extravagante O gavião assartante Que vai atrás da jurití Nesta harmonia comum Num alegre zum zum zum Cantam todos os bichinhos...

    


International Lyrics Playground       Private Guitar Lessons in Connecticut!       Web Hosting with TotalChoice       Click and start earning!       Privacy Policy