Song Lyrics From Around The World

Home | Email Us | 0-9 | A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z | Christmas | Soundtracks | Web Hosting with TotalChoice

big text small text home back forward print

TARDE EM ITAPUĂ (Vinicius de Moraes / Toquinho) Um velho calçăo de banho. O dia pra vadiar Um mar que năo tem tamanho, E um arco-iris no ar Depois na praça Caymmi, Sentir preguiça no corpo E numa esteira de vime, Beber uma água de côco É bom Passar uma tarde em Itapuă Ao sol que arde em Itapuă Ouvindo o mar de Itapuă Falar de amor em Itapuă Enquanto o mar inaugura, Um verde novinho em folha Argumentar com doçura, Com uma cachaça de rolha E com olhar esquecido, No encontro de céu e mar Bem de vagar ir sentindo, A terra toda a rodar É bom Passar uma tarde em Itapuă Ao sol que arde em Itapuă Ouvindo o mar de Itapuă Falar de amor em Itapuă Depois sentir o arrepio, Do vento que a noite traz É o diz-que-diz-que maçio, Que brota dos coqueirais E nos espaços serenos, Sem ontem nem amanhă Dormir nos braços morenos, Da lua de Itapuă É bom Passar uma tarde em Itapuă Ao sol que arde em Itapuă Ouvindo o mar de Itapuă Falar de amor em Itapuă (Transcribed by Phillip Picciotti - December 2003)

    


International Lyrics Playground       Private Guitar Lessons in Connecticut!       Web Hosting with TotalChoice       Click and start earning!       Privacy Policy